Ir para o conteúdo

SAAE Itaúna
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
SET
13
13 SET 2021
Novo modelo da tarifa de água em Itaúna
enviar para um amigo
receba notícias

Como será o novo modelo da tarifa de água em Itaúna

Será extinta a cobrança por consumo mínimo e tarifa fixa também terá outro valor; confira
 
A fim de atualizar o modelo de tarifa de água e esgoto, a equipe técnica da Agência Reguladora Intermunicipal de Saneamento Básico de Minas Gerais, ARISB-MG, com a colaboração do Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Itaúna, estruturou a nova matriz tarifária.
Assim, será extinta a cobrança da tarifa por meio do consumo mínimo, passando a considerar o consumo efetivo.
A nova forma vai possibilitar o estímulo do uso consciente da água, a adequação dos valores à realidade de consumo de cada família e a manutenção do preço médio da água.
A iniciativa representa um importante avanço para o saneamento básico da cidade.
Cabe ressaltar, que foi realizada pela ARISB-MG uma Consulta Pública e posteriormente, o estudo foi apresentado ao Conselho Municipal de Saneamento Básico de Itaúna.
 
Parcelas Fixa e Variável
Atualmente, a cobrança é realizada por meio de um conceito de tarifa mínima, na qual o usuário paga um valor fixo e pode consumir até 15 metros cúbicos de água, pagando o excedente de acordo com o consumo.
A metodologia atual não incentiva o uso eficiente dos recursos hídricos.
O novo modelo prevê uma parcela fixa, com o custo mínimo para manter a disponibilidade do sistema, e uma parcela variável, com base no volume consumido, medido no hidrômetro.
 
Valor adequado ao volume de consumo
Para os usuários residenciais, a tarifa mínima de água e esgoto no modelo atual é de R$ 43,73. 
Por meio da nova matriz, a tarifa fixa passa a ser de R$27,45, com doze faixas para o excedente de forma variável, tornando o valor mais adequado ao volume de consumo.
Uma moradia que consome 6 metros cúbicos de água, por exemplo, que hoje paga a tarifa mínima de R$ 43,73, terá uma diminuição no custo da tarifa com o novo modelo, passando a pagar R$ 39,23. Neste caso, a redução representa 10,31% do valor total.
O cronograma de implantação terá início no mês de outubro, ou seja, nas próximas faturas.
 
Seta
Versão do Sistema: 3.2.5 - 03/08/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia